10 fevereiro 2011

Uns saem outros entram

Enquanto se ouve o rumor sobre a desistência de Braz da Silva como candidato à presidência do Sporting outra se perfila já no horizonte. Trata-se de Zeferino Boal, ex-dirigente leonino no tempo de Sousa Cintra que irá formalizar a sua candidatura no próximo dia 16. «Será dois dias depois da renúncia dos órgãos sociais. É uma forma de manifestar respeito por aqueles que ainda se mantêm em funções no clube», disse à Bola.

O consultor, 48 anos, é o rosto de um grupo de sócios que estão muito preocupados com a actual situação do clube. Por isso, no dia 16 (quarta-feira), numa unidade hoteleira lisboeta, apresentará um conjunto de ideias que defende serem essenciais para o futuro do Sporting.


Segundo a Bola, Braz da Silva coloca fortemente a possibilidade de deixar cair a intenção de ir a votos, não em favor de outro candidato, mas pelo simples facto de haver vários interesses que se apresentam como sérios obstáculos à implementação do projecto que preconiza.


Fonte ligada à candidatura de Braz da Silva referiu mesmo um forte poder ligado ao actual status quo do clube que impede o compromisso de novas ideias que possam aparecer como solução para o mar de problemas que o clube de Alvalade tem vivido nos últimos anos.


Porque será que este último parágrafo não me surpreende?

7 comentários:

  1. Tite,

    Tudo isto é triste, tudo isto é... Sporting! :(

    Perspectivam-se maus tempos (ainda mais!) com Godinho Lopes e a sua troop ao comando...

    SL

    ResponderEliminar
  2. Peço desculpa por discordar com o Mauro, apesar de o compreender, quando diz "tudo isto é...Sporting!"
    Nada disto é SPORTING.
    Será que vamos (re)encontra-lo?
    Resta-me a esperança, já tão abalada mas ainda me resta!
    Terezinha

    ResponderEliminar
  3. http://dcfutebolclube.blogspot.com/2011/02/o-monopolio-fcp.html

    comente

    ResponderEliminar
  4. Terezinha,

    Antes de mais, não tem que pedir desculpa. Assim como compreende o que digo, também eu compreendo a sua perspectiva. No fundo, são a mesma, ditas de maneiras diferentes!

    Por falar em Fundo, depois dos petro-dólares angolanos, diz-se por aí que (quanto a Bruno de Carvalho) vêm aí petro-dólares russos!!

    E o Sporting que vai caindo num buraco sem Fundo, e que do Fundo nunca mais se levanta!

    ResponderEliminar
  5. É preciso retirar sabedoria desta história de Braz da Silva. O ambiente no Sporting é muito tenso para qualquer pessoa aspirante a governante do clube, seja da continuidade ou renovação. Por isso e como acredito na renovação, peço a todos os sportinguistas para serem saudáveis e positivos na abordagem aos novos candidatos e seus projectos, especialmente aos da renovação como pretendo.

    SL

    http://sportingunido.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. http://www.lusofans.com/clubpagearticle.asp?id=1440&team_id=3

    ResponderEliminar
  7. Fiquei para morrer quando ouvi dizer que Carlos Barbosa apoia o grupo liderado por Godinho Lopes. Aliás, ele hoje na rádio não garantiu que o "Dream Team" ou "Green Team" como ele o chamou, seja liderado por Godinho Lopes.

    Esperemos para ver quando tudo estiver formalizado.

    Penso mesmo que o melhor seria ter vários grupos e consultar os projectos/programas de cada um. Além de que as competências são absolutamente imprescindíveis.

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita!

Agora... é só deixar um comentário.
A Leoa Assanhada fica verde de contentamento.